NÃO DORMI ENTÃO ESCREVI


Uma das coisas mais sadias que o ser humano pode fazer é escrever. Desde os primórdios até hoje em dia o homem tenta registrar sua existência, seja nas pinturas nas cavernas até o adolescente com seu blog onde não mais que cinco amigos de vez em quando visitam – depois de muita insistência do indivíduo acreditando ser o descobridor da pólvora. Sabe aquela coisa de menina com seus doze anos trancada no quarto escrevendo compulsivamente num caderninho? É assim que visualizo muito blogueiro por aí. O termo parece até pejorativo, blogueiro, mas a bem da verdade é que depois de inventarem a interatividade virtual muita gente se descobriu, ou pelo menos está procurando um meio de dar continuidade a sua vida simplória relatando desde o que comeu até coisas realmente relevantes que podem ser interessantes para estranhos.

Se vocês acham 140 caracteres a grande invenção dos últimos tempos saiba que isso não é lá grande novidade. A muitos anos atrás existia um caderno nas salas de aula que passava de mão em mão, e cada um escrevia o que bem entendesse sobre determinado assunto ou pessoa. Se este não foi o primeiro exercício de interatividade eu não sei, mas foi a primeira coisa que me veio a cabeça.

Para quem tem seus 30 e alguma coisa a internet é mais ferramenta de trabalho que entreterimento. Nada impede que durante o expediente você visite seu Facebook, Twitter, Orkut e qualquer outra mídia social para saber o que está acontecendo com amigos ou registrar exatamente o que você mesmo anda fazendo ou pretende realizar. E pensar que existe gente com medo de se expor. Sem chover no molhado, é praticamente impossível não aparecer algum rastro virtual seu ao digitar no Google, por exemplo, seu nome. Muitas vezes isto pode te favorecer, outras nem tanto, depende do que você alimenta o mundo virtual. Para os paranóicos de plantão, sim, corra, você pode estar sendo vigiado neste exato momento! Eu sei até o que você está pensando. Não adianta apagar suas fotos comprometedoras do Orkut que eu já copiei tudo e vou mandar para geral mostrando sua mediocridade. Dá até medo, né?

Esta esposição da sua figura já acontece desde o momento em que bota a fuça na rua. Acredite, você não está só nem vive numa ilha. É questão de tempo até o jornaleiro reparar que você não compra mais cigarros na banca dele e não demora muito vai começar a pensar que você está mudando de hábitos e fazer algum juízo de você. Na padaria não é diferente, tão pouco no trabalho.

Tem gente que fala sozinha. Isto te faz pertubado ou coisa parecida? Talvez, desde que não tenha arma em casa e esteja com as contas em dia para não fazer nenhuma besteira. Problemas todo mundo tem, mas tenha certeza de uma coisa, ninguém quer saber deles. Familiares, amigos provavelmente, mas não vai ser no mundo virtual que vais resolver. Aconselho uma mesa de bar, visitar parentes distantes e claro, dizer, bom dia sempre que puder, educação nunca fez mal a ninguém. O porteiro do prédio pode ser chato, torcer até para o mesmo time que você, te perguntar o óbvio e você com o melhor bom humor do mundo vai ser condescendente e não ralhar ou fazer cara feia, afinal de contas, o ventilador de teto do seu quarto foi ele quem instalou.

Mais importante do que escrever é você tomar o hábito de ler. Confesso que ultimamente nem o jornal tenho tido paciência para pegar. Uns quatro livros estão iniciados a leitura, nenhum cheguei a metade. Culpa do twitter.

ps: Parem de me chamar para o maldito Farmville, Mafia Wars e mais outra rede social. Preciso de um bar e tempo. Um dos dois está em falta a muito tempo aqui.

Anúncios

2 pensamentos sobre “NÃO DORMI ENTÃO ESCREVI

  1. Até que enfim entrei no seu blog. Bom, muito bom. Continue assim, vc ainda vai longe.Hoje toquei algumas músicas, para uns idosos aposentados e comilões na Assoc. dos Aposentados.Estamos saudosos.Mas, o Natal vem chegando.tchau

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s