486495_10151481910107488_1625020360_n

KOMBI DE PRESENTE, CERVEJA MAIS BARATA E ELA NÃO OLHA PARA MIM

Engraçado quem fica dividindo seus sonhos na internet. Sonhos são como ideias. Coisas bem pessoais, mas nem por isso você hesita em contar algo que pensa com estranhos na primeira oportunidade que tem algo polêmico acontecendo ou coisa parecida. O que move estas pessoas?

Esta noite se passou num tipo de acampamento com amigos de vários momentos da minha vida. Um deles em especial ganhou uma Kombi personalizada outro dia de aniversário que comprei no cartão de crédito. Deve ser por isso que meu pai veio ralhar comigo que estava gastando demais com bobagem. Detalhe: não uso cartão de crédito a cerca de dez anos no mundo real. Voltando ao sonho, encontrei com este amigo numa cachoeira depois de uma corrida na mata e deixei meu celular cair na água. Não satisfeito em dar um banho no aparelho, acabou se desfazendo em cinco ou seis pedaços nas rochas. Rimos um pouco, voltamos para o acampamento.

Numa piscina olímpica várias pessoas faziam hidroginástica, treinavam um movimento sincronizado ou simplesmente batiam papo na beira da água. Quando passei ali no caminho da cachoeira ignorei completamente a presença de uma ex-namorada com quem não falo mais alguns anos. Não seria agora que eu abriria sorrisos largos. A última vez que nos falamos quase capotei com um carro.

Organizávamos uma festa e o preço da cerveja que conseguiram era absurdo. Tomei a frente de resolver isso e terminei o sonho sem uma solução, mas várias opções porque ninguém batia o martelo no orçamento. Enquanto isso aquela garota continuava me ignorando como se a gente não se conhecesse de outros carnavais.

Enquanto isso, o amigo que tinha ganhado aquela Kombi num outro sonho enchia a cara na beira da piscina e colou todo meu celular que misteriosamente voltou a funcionar. Limpei a piscina do vômito dele, comecei a cozinhar uma bacia com carne de porco e um monte de cerveja chegando no acampamento.

Todo mundo orgulhoso do amigo aqui e ela nada de te dar atenção.

Você acorda e começa a pensar nessa coisa de ter algum reconhecimento e chega a conclusão que a pessoa mais importante na sua vida para se agradar é você mesmo. Não que seja egoísmo, mas se você não fizer algo direito e com gosto por nós mesmos, quem o fará por nós?

Não sou diferente de ninguém nem tão pouco me gabo disso. Somos seres humanos sujeitos a erros e acertos e ninguém pode censurá-lo de imaginar sua utopia pessoal durante uma noite que seja. Porque eu seria diferente? Façamos o melhor, por conta própria em primeiro lugar. Não faça porque precisa agradar alguém. Apenas faça. A recompensa é saber que é capaz e fazer isso melhor. Os holofotes virão com o tempo mas não serão o que te sustenta. Você é auto suficiente.

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s